segunda-feira, 23 de janeiro de 2012

CARREIRA - ESPECIAL BIOMEDICINA

Olá galera,


afim de divulgar oportunidades e ajudar a nossa classe(universitários), postagem ESPECIAL SOBRE RECÉM FORMADOS EM BIOMEDICINA.






Você terminou a faculdade agora e está sem rumo, não sabe o que vai ser daqui pra frente? Bem, isso é normal. Aparecem aquelas dúvidas básicas, que todo recém-formado tem: “Será que vou conseguir um emprego bom?” “O que fazer agora?”. Então separei aqui algumas dicas para ajudar vocês nesse futuro próximo e aparentemente incerto.
Bom, a primeira coisa que te dará uma chance maior é a experiência. Se você fez estágio ou trabalhou na área que pretende atuar é meio caminho andado. Por isso é de extrema importância correr atrás de estágios/trabalhos na área desejada enquanto você ainda está na faculdade.


Muitos reclamam que não conseguem emprego por que não têm experiência e não têm experiência por que não conseguem emprego. Isso é uma realidade em qualquer que seja a profissão. Então a minha dica é que você faça trabalhos voluntários. Existem centenas de laboratórios e empresas que abrem vagas para estudantes e até profissionais formados. Você pode não ganhar financeiramente, mas ganha conhecimento e experiência, além de contar pontos no currículo. Conheço vários biomédicos(as) que depois de fazerem voluntariado conseguiram emprego.

Não precisa falar que um bom currículo é essencial né?! Participe de congressos, palestras, simpósios, seminários, mesas-redondas e cursos de aperfeiçoamento. Tente tirar o máximo de proveito. Hoje em dia é indispensável um curso de informática. Não adianta comprar um computador e achar que sabe mexer. Saber editar um planilha, formatar um texto, entre outras coisas, é um ponto a mais. Nem só com pipetas e vidrarias trabalha o biomédico. Cursos de idiomas, principalmente inglês, é outro item importante, ainda mais se você quiser trabalhar com docência e fazer mestrado e doutorado.

Conhecer pessoas, o chamado networking, também é muito importante, pois quanto mais pessoas você conhece mais chances de conseguir uma vaga.



Uma coisa que percebi na Biomedicina é que os empregadores têm receio em contratar alguém que deixa um currículo em suas empresas, por exemplo. Como nossa profissão está relacionada com áreas que exigem bastante responsabilidade, por lidar com vidas nas maioria das vezes, a escolha de um profissional é geralmente através de indicação.
Creio que isso deve-se o fato de que se uma pessoa indica outra a confiança para a contratação aumenta. E isso acontece em todo o país, por isso as vagas não são divulgadas, dando a aparência de que elas não existem. Se tivesse que escolher entre um médico indicado pelo seu médico e outro que você achou no guia do plano de saúde, qual você escolheria?

video


Outro caminho e mais concorrido é prestar concursos públicos. Os salários, dependendo da região do país e da área, são muito bons. O mais desejado de todos é o de Perito Criminal que, consequentemente, é o mais concorrido, principalmente por causa do salário. Mas é preciso estudar ainda mais, se quiser passar.






A pós-graduação, é também muito importante. Até 20 anos atrás, possuir uma formação acadêmica era um diferencial e sinônimo de emprego garantido. Hoje em dia, possuir um diploma é obrigatório e o diferencial ficou por conta da pós-graduação.

Com o excesso de oferta de faculdades, ter um curso superior passou a ser considerado “fácil” e o mercado de trabalho está saturado de profissionais formados em uma mesma área. Para selecionar os melhores, nada melhor do que pesar o currículos dos candidatos e é nessa hora que a pós faz toda a diferença. 

Para ficar informado das novidades, não deixe de acessar o blog. Tento sempre trazer o que tem de mais atual e relevante na nossa área para vocês. Em 2012 serão várias oportunidades de cursos de aperfeiçoamento divulgados por aqui, começando com o CURSO DE VERÃO - AUTOMAÇÃO E HEMATOLOGIA Vagas de emprego, eventos, concursos, tudo você verá aqui no BBP.

E por último. Não faça trabalho de biomédico com salário de técnico. Você estudou, batalhou e se empenhou por quatro anos ou mais para ter um salário melhor. Os empregadores devem saber que o Biomédico tem seu valor. Mas, essa valorização tem que partir de nós, impondo nossos direitos.

E não esqueça de registrar-se no CONSELHO E SINDICATO da sua região. Sem o CRBM você não pode atuar como Biomédico no país (eu sei que é caro, mas é necessário em todas as profissões). E só assim você poderá cobrar melhorias dos representates desses órgãos, que têm importante papel na fiscalização e regulação dos profissionais Biomédicos.

SITES RECOMENDADOS

http://www.drjeffchandler.com/
http://biomedicinaemacao-unip.blogspot.com/
http://www.umconviteabiomedicina.com.br/

FONTE : http://www.biomedicinapadrao.com

"Espero que tenham gostado, deixem um comentário dizendo o que acharam ! "

2 comentários:

Brunno disse...

Obrigado! Seu blog também é massa!

Barbara disse...

Mto bom o post, ótimas dicas para nós recém formados que sempre acabamos ficando meio perdidos!!!